Quem sou eu

Minha foto
advogado, sindicalista, locutor...

terça-feira, 24 de dezembro de 2013

Região Metropolitana. Geraldo, só falta você!

Desde minha chegada ao legislativo local tenho interesse na implantação da Região Metropolitana de Ribeirão Preto e ampliei minha participação no tema ao integrar a Comissão Especial de Estudos muito bem presidida pelo vereador Maurílio Romano, companheiro de viagens a vários municípios onde dialogamos com prefeitos e parlamentares, todos com vigorosa participação na grande mobilização para sensibilizar o Governador do Estado, a quem cabe a palavra final.
Olhando para nosso passado e projetando nosso futuro constatamos a indiscutível liderança que a cidade de Ribeirão Preto sempre exerceu no interior paulista e até em outros estados federativos. A chamada capital do interior atende, além de seus quase 700 mil habitantes, um contingente de pessoas que se aproxima de três milhões de brasileiros em mais de 80 municípios em área ocupada de cerca de 30 mil km2.
Nossa região é economicamente forte, próspera e que se destaca no agronegócio, prestação de serviços e comércio, além de contar com invejável estrutura de logística, transporte, comunicação, segurança, clima, mão de obra qualificada, entre outros. Com renda per capita semelhante à de alguns países da Europa Mediterrânea e praticamente o dobro da média brasileira, merece o mesmo reconhecimento que as aglomerações urbanas de Piracicaba e Jundiaí e as regiões metropolitanas de Campinas, São Paulo, Baixada Santista e Vale do Paraíba e Litoral Norte que já foram contempladas pelo governo estadual.
Superado aquele antigo estágio de iniciativas individualistas, separatistas e de competição entre municípios, a nova tendência político-administrativa é o planejamento conjunto e integrado. Já não podemos analisar as cidades de modo isolado. A proximidade física das cidades é o primeiro ponto a ser observado, a interação existente entre pessoas que residem em uma localidade, trabalham em outras e muitas vezes estudam em uma terceira deve ser observada. Diariamente, observamos milhares de cidadãos que se deslocam em busca de oportunidades de emprego, estudo, cuidados com a saúde, lazer, cultura, enfim, as cidades se completam. Não podemos planejar o trânsito em Ribeirão sem contemplar o grande número de veículos que diariamente chegam e retornam, por exemplo, de Sertãozinho, Jardinópolis e Serrana. Não é possível organizar o sistema de macro e micro drenagem sem compreender que grande parte do volume de água que preocupa a população de Ribeirão, desce de Cravinhos.
A elevada densidade demográfica, a significativa conurbação, a grande diversidade de funções urbanas e regionais, a especialização e integração socioeconômica da nossa região justificam a implantação da região metropolitana.
A comissão de vereadores de Ribeirão Preto realizou um grande esforço e cada cidade que se incorporou ao projeto trouxe maior força à luta. A participação dos deputados de outras regiões como os companheiros de legenda Leci Brandão, Pedro Bigardi e Alcides Amazonas, foi importante para ampliar o debate na Assembleia Legislativa onde os deputados locais fazem sua atuação.
As empresas de comunicação e a mídia em geral começam a aderir a causa, mesma postura adotada por algumas lideranças políticas que, somente agora, percebem que com a implantação da região metropolitana o ganho é coletivo e que, mais importante do que buscar ostentar o título de pai da criança, é necessário dedicação para que a mesma nasça forte e saudável. O tempo e a história farão justiça aos que lutaram pela causa e destacará os que jogaram contra.
O nosso anseio é quase unanimidade estadual e não podemos ficar subjugados ao calendário ou aos interesses do ano eleitoral que se aproxima. Chegou o momento da implantação da região metropolitana de Ribeirão Preto, já! Possuímos todos os indicadores, condicionantes e elementos necessários para que o sonho torne-se realidade. Resta agora a chancela oficial do Governador do Estado e nossa expectativa é que ela ocorra o mais breve possível. Neste momento onde a população retomou o hábito de sair às ruas com faixas e palavras de ordem para alcançar seus objetivos, espero não ser necessário mobilizar os milhões de paulistas desta importante região para que ecoem com energia: “Governador, assina!”, “Alckmin, aprova!”, “Geraldo, só falta você!”


Nenhum comentário:

Postar um comentário